7 maneiras de como desenvolver a Inteligência Emocional

Saber como desenvolver a inteligência emocional tem sido uma busca cada vez maior. Você sabia, por exemplo, que apenas 36% das pessoas consegue identificar suas próprias emoções? Esse dado está no livro Emotional Intelligente 2.0 e foi um estudo feito pelos dois autores, Travis Bradberry e Jean Greaves.

Confusões de pensamentos e ações em seus relacionamentos, altos e baixos em seus sentimentos e indecisão na hora de fazer uma escolha importante. Todas essas são características comuns de alguém que precisa desenvolver a sua inteligência emocional.

As dicas abaixo mostrarão como você pode melhorar nesse aspecto, sempre levando em conta as 5 habilidades que Daniel Goleman nos mostra como essenciais para a inteligência emocional: autoconhecimento, autocontrole, motivação, empatia e habilidades sociais. Confira o post.

1. Conheça os maiores gatilhos das suas emoções

Todo mundo tem gatilhos que ativam as emoções. Alguns deles nos deixam mais alegres e outros, consequentemente, mais tristes. Reconhecer esses gatilhos é importante para desenvolver a inteligência emocional. Sabendo disso, basta ficar mais atento a eles, principalmente na hora de tomar uma decisão importante.

2. Ouça o que as pessoas têm a falar sobre você

Feedbacks são importantes. Saber como suas atitudes impactam outras pessoas é fundamental para desenvolver a inteligência emocional. Você ficará mais perceptivo e conseguirá entender o que precisa melhorar ou retrair para ter mais sucesso em suas relações. Saiba ouvir sem julgamentos e analise cada uma das críticas positivas e negativas que recebeu.

3. Deixe o problema para o dia seguinte

Se encontrou em uma situação muito problemática e não conseguiu encontrar a solução? Então deixe para o dia seguinte. Tenha uma noite tranquila de sono, restaure suas ideias e espere o próximo dia, pois certamente a solução virá. Atente-se apenas para não fazer isso frequentemente. Empurrar o problema sempre para frente não é o objetivo dessa dica. Queremos apenas que você adie por algumas horas a decisão para que ela seja mais assertiva.

4. Observe o seu corpo e seus comportamentos

Você sabe nos dizer como seu corpo e sua mente reage em situações conflitantes? Se a resposta foi sim você já está em um ótimo caminho para desenvolver a inteligência emocional. A maioria das pessoas age por impulso somente por não reconhecer isso. A partir de agora, pare sempre e observe as reações emotivas em seu corpo. Somente reconhecendo-as é que você consegue dominá-las.

5. Saiba gerir as emoções negativas

Evite o pessimismo. Uma pessoa que já inicia uma atividade complexa pensando negativamente, bloqueia neurotransmissores no cérebro que são importantes para resolver o problema. Caso não consiga gerir os pensamentos negativos, no mesmo instante que eles vêm em sua mente, pegue uma folha de papel e escreva. Isso fará com que sua mente fique limpa e você poderá alimentá-la com pensamentos mais positivos.

6. Seja empático

A falta de empatia, principalmente no ambiente de trabalho, é o que mais impacta negativamente na hora de desenvolver a inteligência emocional. Coloque-se no lugar do outro, observe como suas ações atingem outras pessoas ou analise o porquê alguém está agindo de determinada forma com você. A empatia sempre traz muitas respostas positivas e soluções para a maioria dos problemas.

7. Conheça seus limites

Reconhecer os seus limites é importante para tomar qualquer decisão. Ele ensina quando é o momento de mudar o foco, por exemplo, ou para descobrir o quanto somos culpados quando um problema surge. Uma pessoa que conhece seus limites também saberá a melhor hora para tomar decisões, evitando que elas prejudiquem os seus relacionamentos.

Dá para desenvolver a inteligência emocional sozinho?

Sim. Você consegue praticar todas as dicas acima sem a ajuda de um profissional. A mudança que ocorrerá em sua vida é bastante perceptível. Contudo, há diversos cursos e coaches que poderão quebrar todos os seus bloqueios na hora de desenvolver a inteligência emocional. Cabe a você decidir qual dos dois caminhos é o mais vantajoso!

Gostaram das nossas dicas para desenvolver a inteligência emocional? São dicas práticas e que você pode praticar no seu dia a dia. Você pode ainda conhecer mais sobre esse assunto em dois posts aqui no blog, que mostram o que é inteligência emocional e como aplicar a inteligência emocional no trabalho. Confira!

Curso de inteligência emocional no Rio de Janeiro

Deixe seu comentário

2018-08-29T13:50:19+00:00agosto 29th, 2018|Inteligência Emocional|
Share This